janeiro 31, 2008

Carnaval à minha moda

Janto hoje com a S. (consta que umas perdizes de comer e chorar por mais), durmo em Lisboa na K., vou com ela amanhã para o Bom Sucesso, para passar meio fim-de-semana. Sim, porque no sábado vou com a I. para a Capinha, na Beira Alta, onde consta que está um frio de rachar e - muito mais importante!!! - não há festejos de Carnaval, coisa a que sou completamente alérgica. Vai ser um Carnaval como eu gosto. Calminho, no campo, sem música brasileira rasca (do fundo do coração, já me chega mesmo...), sem foliões idiotas e outros que tais, etc. Vou ter net (as aldeias da Beira estão muito à frente...), por isso prevêem-se actualizações bloguísticas nos próximos dias.
See you!

13 comentários:

Capitão-Mor disse...

Ok, gostos não se discutem!
Diverte-te à tua maneira...

Teresa disse...

Também ABOMINO Carnaval. Nem em miúda achava graça. Que me lembre, só me mascarei (mascararam-me) duas vezes: uma de nazarena e outra de espanhola... eram as máscaras do nosso tempo. E eu doida para tirar aquela bodega de cima!
Beijos, aproveita!

serrata disse...

ei, com que então por terras lusas?

sem-se-ver disse...

bons passeios!

:))

leonor disse...

Ora bem! O meu vai ser semelhante. E se possível bem longe das transmissões do Carnaval Português que é tão deprimente que até dá vontade de cortar os pulsos...

Huckleberry Friend disse...

Detesto o Carnaval, só em criança achava alguma piada a mascarar-me. Era só para perguntar se estás a chorar por mais ;) foi bom, beijos!

Sofia disse...

Citada em dois posts seguidos neste teu blogue, mas que honra! Pois eu detesto o Carnaval e bailes de máscaras!

Bom fim-de-semana, diverte-te, nós também vamos de passeio! Beijinhos

S.

Fatyly disse...

Nunca gostei do carnaval, nem quando vivi no Brasil e ver por cá, sempre via TV a misturada do frio de rachar com o calor tropical...valha-me um burro aos coices:)
Há gostos para tudo e sobretudo a pequenada que gosta (mas respeitem os que não gostam) mas os fatos que sejam feitos pelos pais, como a minha mãe fez os nossos, eu os das minhas filhas (a mais nova só se mascarou uma vez) e agora é ela que fez os das minhas netas. Foram todas contentes para o colégio.

Bom fim de semana e aproveita as férias:)

Gi disse...

Cheguei a ser a única mascarada no grupo quando saíamos para festejar . O local era inveriavelmente a boite que estivesse mais na moda. A máscara tinha que ser diferente do habitual, isso era ponto assente e quanto mais exuberante (leia-se louco) melhor. A sogra ajudava á festa. Os filhos filhos seguiram as passadas, ainda hoje se mascaram o neto recusa terminantemente qualquer veste ou pintura. Não insisto perdi a magia algures por aí . Agora só Veneza me entusiasmava :)

/Um beijo

tcl disse...

vê-se. a net da Beira está muito para a frente mesmo!

MariaV disse...

Olha, a miúda desapareceu... Mas "disque" ainda cá está...

Sofia disse...

Não me digas que fugiste e não levaste os livros???

beijinhos

MCA disse...

Obrigada! Obrigada! Cheguei aqui porque pesquisei no google por "não há festejos de Carnaval". Estou à procura de um recanto desta terra onde NÃO se festeje o Carnaval, para poder refugiar-me lá.