novembro 10, 2007

R.I.P.

Morreu, com 92 anos, Paul Tibbets Jr., o piloto do B-29 baptizado Enola Gay, que lançou em 6 de Agosto de 1945 a bomba atómica sobre Hiroshima.

"Eu não comecei a guerra: eu terminei-a."

4 comentários:

Fatyly disse...

De facto não começou e a mando de crápulas, cumprindo um missão (malvadas guerras) terminou-a da pior forma.

Mad disse...

Coitado, mas aposto que nem lhe passou pela cabeça que ia ficar tão famoso pelas razões erradas. Como disseste, só fez o que o mandaram fazer. Li na mesma notícia que pediu para ser enterrado anonimamente, com medo que lhe profanassem o túmulo. Que tristeza, não é?

Fatyly disse...

Claro que é triste e mesmo sendo coronel com apenas 30 anos, ser o único conhecedor da missão, num esquadrão de 1500,estava a mando de Harry Trumar então presidente dos States. Este sim o verdadeiro responsável e criminoso e sem qualquer punição.
Ainda há quem diga mal dos militares, sem hipóteses de escolha já que a maioria dos horrores são praticados sob o efeito de drogas.

Paul apesar de dizer que nunca se sentiu responsável...interiormente há sempre algo que fica, que corroi... daí o pedido dele!

ana vidal disse...

terminou a guerra mas deve ter começado (a não ser que fosse completamente inconsciente) um calvário privado que durou até aos 92 anos. Não lhe invejo a longa vida, coitado.