novembro 08, 2007

De apetites

É domingo*. E como todos os domingos, no pasa nada aqui, além de ver televisão até os olhos doerem e de comer o que houver no frigorífico, nos dias em que o Cachucho não tem pachôrra para fazer uma churrascada. Nestes dias de pasmaceira lembro-me dos domingos de inverno em Lisboa, em que dormíamos até às onze, encomendávamos uma pizza gigante e uma coca-cola de 2 litros e vegetávamos o dia inteiro submersos em edredons em frente da televisão, a ver documentários do National Geographic e a ouvir a chuva cair.

Agora é mais ou menos o mesmo, a não ser pelos edredons, completamente desnecessários, e pela pizza e a coca-cola, que, com grande desgosto, não posso encomendar, a não ser que viajem quase 1oo km de táxi.

Não que me apetecesse uma pizza. Eu, que sempre comi rigorosamente tudo o que punham à frente e a única coisa no mundo que não sou capaz de comer são miolos, hoje em dia estou um bocadito mais exigente. Acho que começaria por um creme de espinafres, seguido talvez de um roastbeef cortado em fatias muito fininhas, acompanhado de umas cebolinhas bêbedas (receita de família, peçam à Ana), de um arroz com passas e pinhões e de uma bela salada de rúcula e, para rematar em beleza, uns figos bem sumarentos e um suculento bolo de chocolate com coulis de framboesa e meio kilo de natas ao lado. Tudo isto, claro está, regado com um alentejano macio. E no fim, a apoteose: um Nespresso. Nada de especial, como podem ver. E muito menos calórico.

Ai, ai...

* pelo menos era, quando eu escrevi isto.

11 comentários:

Luis disse...

Mad,

Isso foi por causa da Elle, confessa, porque o que te marchava mesmo era umas farinheiras com um belo tintol.

Leonor Barros disse...

Até fiquei a salivar :-)

tcl disse...

Ai Mad, bem diz a prima que tu andas nostálgica, mulher...

Vá lá, pensa que aqui há imensa poluição e assim

Fatyly disse...

Raios que partam os edredons, o frio.......frio que congela o estômago.
Mas este ano o meu verão angolano ainda permanece por estas paradas - frio pela manhã, calorão durante o dia eum briol do caneco à noite. Resultado? a maioria não quer pizza e coca-cola(que alinho) mas esgotaram os anti-gripais.
Posso ir para aí? Vou já, já:)

MRR disse...

Depois destes belos posts (especialmente o de Jeri), está na hora de te animares e passarmos às coisas práticas. Em Janeiro, para nos encontramos convosco, só iremos 6 Santamarotos (eu e a Ana, o Kiko e a Madalena e o Xenico e a Isabel). "Em calhando" está na hora de começarmos a reservar pousadas, carros e os bilhetes do autocarro desde Fortaleza. O mail que mandaram com as sugestões "sounds perfect", e agora só precisamos de nos sintonizar.
Por outro lado, têm que fazer a lista dos "pedidos especiais" que querem que vos levemos, aqueles que estão doidos por ter... e que são transportáveis (iguarias, livros, etc).
Beijos e abraços
Cenoura

FL disse...

Miguel,

Se bem me lembro, há uns anitos atrás ela pediu-me para lhe levar panos da Vileda (aqueles amarelos grandes, que os brasileiros parecem tule) e pomada Betadine!
Tenham cuidado com as iguarias, correm o risco de ficar sem elas se vos abrem as malas na alfândega! Mas se bem conheço a Mad, que ela vai pedir, vai:-)

Oh Mad faz uns brownies que isso passa-te. Daqueles que o Cachucho enfarda aos quatro de cada vez ;-)

Sofia disse...

Vou deixar de vir aqui à hora de almoço, engordo só de pensar!

Beijinhos e bom fim-de-semana de preguicite aguda...

Mad disse...

Luís, tu conheces-me tãããão bem! Eu aqui armada em menina fina e pronto!, tiras-me logo a carapuça! Ah se marchavam! E se fossem misturadas com toucinho e barradas em cima de um panito de kilo, tostadinho lá na tua bela lareira de Marwan?

Leonor, TCL e Fatyly: isto passa-me.

Cenoura, já são só 6?!!! Bem, pelo menos assim ninguém dorme no alpendre. Quanto às "encomendas", segue já já o emeile.

Florípedes, esqueceste-te dos cestos para balde de esfregona que eu te encomendei (ou foi à Kika?), que estes gajos lavam o chão à mangueira e gastam 200 litros de água por cada quarto. Como eu tenho a mania que sou "ecóloga", isso fazia-me comichão...

FL disse...

Ah pois foi... mas fiquei com dúvidas no tamanho e não levei!

Ainda não te habituaste ao "rodo"?
Eu tive um curso intensivo de "como lává chão com rodo" dado pela Rosina (mais conhecida por Rosa) aquela songa monga camicinence... Mas não adiantou de muito.

FL disse...

*camocinense
Baralhei-me, acho eu...

kiko b disse...

e nós aqui a sonhar-mos todos os domingos em acordar só com lençol, fazer um baita churrascão e descansar na rede...
MEU DEUS, PRÁ QUANDO NOS ENSINAS O TELETRANSPORTE...