maio 18, 2007

E mais saudades

Dos meus sobrinhos mais velhos, que se fizeram adultos fantásticos sem eu dar por isso; do meu sobrinho do meio, que vai ser o próximo presidente do Banco de Portugal (no mínimo!); e dos meus sobrinhos pequeninos, que não via há 2 anos, um deles com 2 dias de nascido, e que há 1 mês atrás descobriram mais uma tia.

13 comentários:

FL disse...

Snif, snif...
Faz lá o post nº 6 com as saudades dos amigos, senão começo aqui num pranto;)

Bejufas

Mad disse...

Estava a pensar falar dos amigos lá para o 12... ainda faltam os queijos de Azeitão, os travesseiros da Periquita, as corridas de toiros, as ruas de calçada portuguesa, a luz de Lisboa ao fim da tarde, as varandas enfeitadas, os meus safaris fotográficos pelo Castelo, os passeios matinais a Valada do Ribatejo, os almoços de Inverno no Baleal, os jantares na Taberna dos Alfaiates, as noitadas no Bairro Alto, os fins de semana em Marvão, os outros fins de semana na Carrapateira...

Ufa!

Mad disse...

...as toneladas de percebes, santolas e sargos quando o Cachucho fazia caça submarina...

Mad disse...

...as mariscadas regadas a Alvarinho ao fim da tarde no Meco...

Mad disse...

Continuo?

FL disse...

Nãoooooo. Esquece lá isso:)
Beijo

noquinha turquel disse...

passei por aqui... por acaso... e acho que te descobri... ao fim de tanto tempo !

Acho... pois não tenho toda a certeza.. mas gostava que fosse tu!!

Brasil
irmã ana vidal
cabelo aos caracois
e algumas expressões

Comigo:

londres
neve
bairro alto
rato
amigos comuns
(já faz tanto tempo)

Gostei do que li sobre ti... ainda bem!

Tens um quintal de morrer de inveja!!

Beijos Grandes!

noquinha turquel disse...

o meu email é

noquinha.noquinha@gmail.com
claudia turquel

Mad disse...

Olha a Cláudia!

Gostei de saber de ti, ao fim destes anos todos. Pois, só podia ser eu.

Estou cá em Portugal, e não é a banhos, infelizmente, por pouquíssimo tempo. Mesmo que não consiga achar 5 minutos para te ver, pelo menos vamos manter contacto por email ou através do blog.

O meu é mad.vidal@hotmail.com

Beijos,

João Paulo Cardoso disse...

Madalena, ainda que tarde, venho por este meio enviar-lhe os meus pêsames por este duro momento.

Espero que consiga agregar em si forças para voltar, entre outras coisa, a escrever.

Um grande beijo, deste teu "novo amigo".

Mad disse...

JP,
Muito obrigado pelo seu apoio. A vida é assim... claro que a nossa Mãe é sempre a melhor do mundo, mas a minha era realmente, como alguém disse, uma Pessoa Maior.
Por enquanto, e apesar de ter a cabeça a mil, só me apetece fazer comentários. Mas a minha irmã já começou... e disse quase tudo. Falta falar do sentido de humor, que era absolutamente único. Talvez eu vá por aí.
1 abraço grande.

Anónimo disse...

Ai e tal está tudo a ficar velho, já não são os putos xarilas do costume, "estão tão grandinhos, coitadinhos!". Bela Tia lamechas que me saiu. ;)

Sabe o que é que eu descobri nestes dias da sua estadia por cá?...hum secalhar digo quando se for embora, que assim também eu ja posso ser lamechas! Ta bem, eu digo!
É que tenho a quem sair!;) Macaca, Mariana e Madalena anda tudo em paralelo. Nem se atreva a desparecer!

Tem um blog todo giro!

beijinhos
da sobrinha "já adulta"
mariana

Mad disse...

Olha a Miana!
Ah pois é! Somos farinha do mesmo saco, a tua mãe não te disse já? Gira e esperta como a tia, a combinação tinha que ser de matar!
Bjs,